O ÚNICO ENCONTRO ENTRE OS BEATLES E ELVIS PRESLEY

Fórum destinado a postagem de assuntos relacionados a vida e obra de Elvis Presley

O ÚNICO ENCONTRO ENTRE OS BEATLES E ELVIS PRESLEY

Mensagempor Sun » Sáb Ago 29, 2015 11:33 am

Dia 27 de agosto de 1965, completou 50 anos do encontro mais mítico da musica mundial.

Aqui no Brasil a data foi relembrada pelo site EFEMÉRIDES DO ÉFEMELLO:
Não há registro fotográfico, tampouco em vídeo. Alguns anos depois, surgiram fotos meio clandestinas, como esta aí em cima. No carro, os Fab Four, indo embora. Ao fundo, de camisa vermelha e casaco preto, The King, se despedindo.

Meio século atrás, em Bel Air, Los Angeles, aconteceu o primeiro e único encontro entre os Beatles e Elvis Presley. Um rendez-vous meio esquisito, porém, histórico, claro. É o Rei do Rock e os Beatles, oras!

O relógio marcava 11 da noite quando os quatro chegaram à mansão. O clima entre eles era um misto de excitação, tensão e alegria. Aquela alegria que eles andavam curtindo ultimamente, de “dar umas risadas”, se é que você me entende?

Cada um à sua maneira, todos, sem exceção, revelam o sentimento de absoluta adoração por Elvis, como se pode ver no vídeo abaixo.

A recepção do anfitrião foi em uma grande sala. Sentado no sofá e cercado de um pessoal meio mal encarado – que George Harrison chamaria de “máfia de Memphis” -, o Rei tocava um baixo Fender enquanto assistia televisão sem som, em um aparelho enorme.

Tímidos, os quatro rapazes de Liverpool estavam sem jeito de trocar alguma palavra com Elvis. Mestre, o dono da casa começou a quebrar o gelo: “Se vocês ficarem aí sentados só olhando pra mim a noite toda, eu vou pra cama!”.

John, então, desembestou a fazer perguntas e dessa vez foi Elvis quem amuou. Como lembra o assessor da banda, Tony Barrow, o encontro ainda estava morno. Faltava alguma coisa. Música!

O Rei pediu algumas guitarras, logo acomodadas em John, Paul e George. Sem instrumento, Ringo improvisou a bateria nos móveis próximos a ele. Elvis e Paul travaram um irreverente diálogo sobre o baixo. “Cá entre nós, eu e Brian Epstein (empresário do grupo) faremos de você uma estrela rapidamente”, disse o Beatle, brincando.

Barrow lembra que eles tocaram algumas músicas, “I Feel Fine”, por exemplo, mas o curioso é que somente John se recorda de ter feito uma jam com o Rei…

O encontro teve ainda a aparição de Mrs. Presley, Priscila, em um modelito rosa, partidas de bilhar com o pessoal da máfia e outras cositas más. Três horas depois, os Beatles deixaram a casa, levando presentinhos dados pelo Coronel Tom Parker.

Várias lendas cercam o histórico encontro. Uma delas dá conta que, na manhã seguinte, um membro do estafe de Elvis encontrou os Beatles e John pediu para que ele passasse a mensagem ao Rei: “Não tive coragem de falar a ele, mas você vê essas costeletas? Eu quase fui expulso da escola por tentar parecer com ele. Diga a Elvis que se não fosse por ele, eu não estaria aqui.”

Histórico.

Em um futuro não muito distante, Elvis se sentiria ameaçado pelos Beatles. Uma maneira de admitir que também os admirava. Tanto que gravaria várias músicas deles.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.
http://efemeridesdoefemello.com/2015/08 ... s-presley/

1965_Beatles_004.jpg

1965_Beatles_005.jpg




O gênio mutante Arnaldo Baptista também prestou uma homenagem em sua página.

O único Beatle que viu Elvis duas vezes foi George Harrison,ele confirmou no Anthology que assistiu uma das apresentações do Elvis no Madison em 1972.
https://youtu.be/BPf98jsxyDs
https://youtu.be/bsuVQLS8zvo

Paul McCartney sempre teve Bill Black como um de seus heróis no baixo,alguns anos atrás sua esposa(na época) Linda McCartney conseguiu encontrar a irmã de Bill que tinha em sua coleção o baixo original de seu irmão,Paul comprou o baixo e hoje,faz parte de sua coleção.
Ele usou o baixo na gravação de Free As A Bird,e vive se gabando de ter conseguido o instrumento,que não poderia ter ficado em melhores mãos.
https://youtu.be/UntkgOq8744
https://youtu.be/3uzC5KC_260

No caso de Elvis,a revolução e bagunça que os Beatles fizeram na década foi fundamental para toda mudança de comportamento,inclusive do próprio Elvis.
Felton Jarvis(que era fã de Elvis) não compreendia como a carreira de Elvis havia chegado naquele ponto em 1966,a partir dessa associação o Elvis conseguiu impor sua melhor musicalidade e se tornar uma enorme força no final da década,exatamente a partir do exuberante'' How Great Thou Art''.
Quando Elvis já restabelecido decidiu gravar Beatles,acaba soando mais como um agradecimento(em minha opinião)do que qualquer outra coisa.
É claro que até hoje tem a rivalidade histórica entre fãs,mas já é algo muito menor,eles sendo as estrelas sempre estarão acima disso.
https://youtu.be/5xd8bb9ocWs
''Virei Flamenguista por causa do Elvis Presley''

''João Bosco''Violonista e compositor brasileiro.
Avatar do usuário
Sun
Wall Of Fame
Wall Of Fame
 
Mensagens: 2381
Registrado em: Sex Dez 03, 2010 10:28 am

Voltar para Elvis Presley

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes

cron